Há alguns anos decidi largar mão do meu notebook. Era um ASUS i5, muito bom, mas não dava mais. A bateria já era e tinha suporte há apenas 8GB de memória. Quando decidi desistir dele, voltei ao desktop tradicional que eu sempre tive porque costumo jogar no PC. Entretanto, o notebook sempre fez falta